Prefeitura faz soltura de peixes nos lagos do Rego D’Água

Duas toneladas de peixe foram soltas no final da manhã desta terça-feira nos dois lagos do Parque Rego D’Água – A. Frota

A Prefeitura de Dourados, por meio das secretarias de Agricultura Familiar (Semaf) e de Desenvolvimento Econômico (Semdes), realizou no fim da manhã desta terça-feira (20) a soltura de peixes nos lagos do Parque Primo Fioravanti Vicente, o Parque do Rego D’Água, onde será realizada a competição de pesca da 14ª Festa do Peixe. O evento começa dia 29 de março e termina dia 1º de abril.

 

Com a presença da prefeita Délia Razuk, secretários e vereadores participaram da soltura de duas toneladas de peixe da espécie pacu, sendo mil quilos em cada um dos lagos. A prefeita destacou o evento como um dos pontos altos do lazer na cidade de Dourados. “Estamos com um esforço imenso para proporcionar uma Festa do Peixe bem divertida e com muito peixe, o que é diferencial do evento”, disse.

Somados aos peixes remanescentes da festa de 2017, quando foram soltas as espécies pacu e tilápia, a quantidade de peixe para as competições de pesca serão satisfatórias. Segundo a secretária Rose Ane Vieira, da Semdes, a média de peso por exemplar é de 2 quilos, mas há peixes, dos que foram soltos nesta terça-feira, de até 5 quilos. “Nossa meta é trazer o melhor da esportividade e, para quem pegar um peixão destes, proporcionar alegria”, disse.

A secretária explicou que este ano as tilápias não foram soltas nos lagos porque são de pesca mais difícil. “Ficam as que foram depositadas no ano passado que devem estar bem grandes”, disse.

A soltura tem vistas à competição de pesca da 14ª Festa do Peixe e acontece pelo menos sete dias antes da competição, período no qual os peixes conseguem adaptação à mudança de condição entre o lago que foram criados e os lagos do parque. Além de atender à Festa, durante todo o ano, sob organização da Fundação de Esportes, o último final de semana de cada mês tem os parques abertos para a pesca e estes peixes fazem a alegria da população.

 

COMPETIÇÃO

Este ano, serão duas categorias na competição de pesca na Festa do Peixe. A Parapesca acontece no dia 28 entre 7h30 e 17h, dividida nas categorias Infantil e Adulto. A premiação será um televisor de 32 polegadas para o primeiro lugar e kits de pesca para o segundo e terceiro colocados, nas duas categorias.

Nos dias 29 e 30 de março, a pescaria é para a categoria Geral. A premiação para os pescadores que tirarem dos lagos o maior exemplar será de uma mobília completa para o primeiro lugar, uma televisão de 32 polegadas para o segundo e um notebook para o terceiro. Do quarto ao décimo quarto colocados serão distribuídos kits de pesca e bicicletas.

Para participar, as pessoas pagam a inscrição de R$ 10. É permitido utilizar uma vara por pessoa, para fins de organização da pescaria para todos.

 

VENDA DE PEIXE

Além da aquisição de peixe pescado nos lagos, a população poderá comprar pescado fresco e eviscerado (limpo). Segundo a secretaria de Agricultura Familiar, 10 produtores estarão com estandes montados no parque para venda de pelo menos 12 toneladas de peixes das espécies pacu e pintado. A meta é vender toda a quantidade até a Sexta-feira Santa, feriado cristão quando a população tem por costume consumir peixe.

A produtora Irene Rodrigues destacou o evento como fundamental para que a população adquira peixe de boa qualidade a preço acessível. “É um prazer participar desta festa e trazer peixe a um preço melhor para a população”, disse. Segundo a Semaf, o quilo do pacu será R$ 10 e do pintado R$ 20.

 

Desenvolvido pelo Depto de Tecnologia da Informação - Secretaria Municipal de Administração - Prefeitura de Dourados - 2018