Projeto prevê reforma e ampliação do aeroporto de Dourados

Secretário José Elias Moreira discute com diretores do Aeroclube de Dourados a ampliação do aeroporto municipal – A.Frota

Depois da autorização para operar por meio de instrumentos em condições meteorológicas restritas, o Aeroporto Francisco de Matos Pereira vai ser readequado, visando a atender a capacidade de embarque e desembarque de passageiros, com a nova realidade.

Na próxima semana, o secretário municipal de Planejamento deve ir a Brasília para apresentar o projeto e discutir a liberação de recursos para as obras de reforma e ampliação do aeroporto. “Estamos trabalhando, dentro de um projeto que envolve recursos da ordem de R$ 40 milhões, para dotar o nosso aeroporto das condições para operar com aeronaves de grande porte e facilitar a ligação com os maiores centros e países que realizam negócios com a gente”, adianta o secretário.

O projeto prevê a ampliação da pista e a construção de uma nova estação de passageiros, mais afastada e de acordo com o regulamento da Aeronáutica. Também há previsão de mudar o pátio de estacionamento, o acesso da pista e, ainda, a construção de uma nova seção de combate a incêndio para o Corpo de Bombeiros.

A reforma e ampliação do aeroporto vêm sendo discutidas com a participação do Aeroclube de Dourados, nas pessoas do presidente Juliano Soares, o vice Waldemar Castelli Junior e o piloto da aviação civil Domingos Renato Ventorini, também diretor do Aeroclube, entre outros cidadãos.

Aliás, o Aeroclube teve papel fundamental na articulação para a liberação das cartas para operação por instrumentos no aeroporto de Dourados. “Essa é uma conquista coletiva, através da somatória de esforços do Aeroclube de Dourados, da Associação Comercial, da Brigada Guaicurus, a FAB, Prefeitura de Dourados e mais um grande número de cidadãos que, unidos, começaram essa batalha, buscando uma alternativa para os cancelamentos dos voos em dias de meteorologia adversa”, comentou recentemente o piloto Domingos Ventorini.

Secretário José Elias Moreira discute com diretores do Aeroclube de Dourados a ampliação do aeroporto municipal – A. Frota

A história do aeroporto de Dourados começou ainda nos anos 1960. À época, funcionava na região da Cabeceira Alegre, próximo ao clube Ubiratan. Em 1970, o então prefeito Jorge Antônio Salomão determinou a construção da primeira estação de passageiros e, em 1981, o então prefeito José Elias fez o asfalto que demanda ao aeroporto, levou a rede de energia elétrica para aquela região e construiu a atual estação de passageiros.

“Agora, a determinação da prefeita Délia é para priorizar nossas ações e providenciarmos as condições para que ocorram as mudanças necessárias para melhorar cada vez mais nosso aeroporto e, se possível, elevar a categoria para aeroporto internacional”, explica José Elias.

Publicado em: 05/06/2017 as 13:27 horas
Desenvolvido pelo Depto de Tecnologia da Informação - Secretaria Municipal de Administração - Prefeitura de Dourados - 2018