Secretário garante que parceria com Funpema está mantida

“A prefeita Délia reconhece a importância e o grande alcance social do serviço prestado pela Funpema e não pretende cancelar o convênio com a entidade”. A afirmação é do secretário municipal de Saúde, Renato Vidigal. Ele esclarece, no entanto, que para continuar é preciso que sejam alterados os moldes desta parceria, de forma que não sacrifique ainda mais as finanças do município, ao mesmo tempo em que também não deixe a população usuária sem aquele serviço. “Precisamos chegar a um bom termo, e este entendimento está sendo mantido”, explica.

A afirmação de Vidigal corrobora com o que disse na tarde de quarta-feira o presidente da diretoria executiva da Fundação, Eduardo Marcondes. Após visita à prefeita Délia Razuk, o médico fez questão de esclarecer comentários colocados em redes sociais e que causaram preocupação às pessoas.

“É preciso colocar fim no que tem sido divulgado nas mídias sociais a respeito do atendimento na Fundação. Está havendo um grande mal entendido, mesmo porque a Funpema não é de responsabilidade da prefeitura”, disse Marcondes, lembrando que a Fundação simplesmente tem um convênio com o poder público municipal, assim como tem com outros segmentos. “O atendimento continua normal”, garantiu.

Por sua vez, o vereador Pedro Pepa, que preside a Comissão de Saúde da Câmara e acompanhou as tratativas entre prefeitura e Funpema. “As dificuldades financeiras pelas quais passa o município é que levaram a esta situação, de rever o convênio. Como o município está fazendo ajuste de contas, inclusive com auditoria em todos os contratos que são pagos com recursos da Fonte Zero, que é o caso da Funpema, a proposta é de se manter o convênio, mas migrando para a MAC (Média e Alta Complexidade), um programa do governo do federal. Assim, a Fundação passa a receber recursos federais e também do Estado, podendo até ampliar o atendimento, recebendo pelo quantitativo e, ainda, com garantia no orçamento”, explica o vereador.

No encontro da prefeita com o presidente da Funpema, Délia esclareceu que em nenhum momento o município falou em rompimento, mesmo porque, conforme disse, a Fundação tem um trabalho autônomo reconhecido em Dourados e que o município tem interesse que esta parceria seja mantida.

 

Desenvolvido pelo Depto de Tecnologia da Informação - Secretaria Municipal de Administração - Prefeitura de Dourados - 2018